segunda, 14 junho 2021
Imagem topo

Presidente da República esteve em Coura

Publicado quarta, 19 maio 2021 15:38

O Presidente da República esteve em Paredes de Coura, onde retribuiu a visita das Comédias do Minho ao Palácio de Belém por altura do Dia Mundial do Teatro, passando também pela ‘Colecção Mário Cláudio’ exposta no Centro Cultural. Ainda [...]


O Presidente da República esteve em Paredes de Coura, onde retribuiu a visita das Comédias do Minho ao Palácio de Belém por altura do Dia Mundial do Teatro, passando também pela ‘Colecção Mário Cláudio’ exposta no Centro Cultural. Ainda antes de se maravilhar com o importante espólio do escritor, […]

PRESIDENTE DA REPÚBLICA ESTEVE EM COURA

O Presidente da República esteve em Paredes de Coura, onde retribuiu a visita das Comédias do Minho ao Palácio de Belém por altura do Dia Mundial do Teatro, passando também pela ‘Colecção Mário Cláudio’ exposta no Centro Cultural.

Ainda antes de se maravilhar com o importante espólio do escritor, do qual constam obras de Ângelo de Sousa, Emerenciano, Fernando Lanhas, Graça Morais, João Cutileiro, Júlio Resende, Pedro Tamen e Stuart Carvalhais, entre outros, Marcelo Rebelo de Sousa assistiu no Quartel das Comédias ao documentário “Um dia de vento, atira-se ao ar”, onde o anfitrião presidente da Câmara de Paredes de Coura chamou a atenção para o aspeto subliminar ilustrado pelo curto filme onde “o senhor guardava as sementes num envelope do banco”.

Das sementes das Comédias às telas de Mário Cláudio

Vitor Paulo Pereira recordou que a Feira da Troca de Sementes, que todos os anos decorre em Paredes de Coura e com grande adesão da comunidade educativa, “é um património invisível. Recuperar as sementes que estão nos armários e perdidas a um canto de uma cozinha…”, enaltecendo a forma como as Comédias do Minho se relacionam com a comunidade e tão bem ilustrado pelo documentário exibido, “representam um papel importante como a escola invisível”, sublinhou.

Uma ideia reforçada pelo Presidente da República, para quem “as grandes multinacionais e o reflexo na produção agrícola coloca questões novas e diferentes problemáticas. Achei curioso tocarem num tema tão atual e universal, que toca nas pessoas”, insistiu Marcelo Rebelo de Sousa, corroborado pelo presidente da Câmara para quem as Comédias do Minho, nascido da colaboração de cinco municípios - Melgaço, Monção, Paredes de Coura, Valença e Vila Nova de Cerveira, “é um projeto que nasce da ideia de comunidade”.

O Presidente da República não só insistiu que a cultura é fundamental, como projetou que “o turismo do futuro é ecológico e cultural”, da mesma forma que também enalteceu o papel de mecenas do VentoMinho: “isto é um achado”, reforçou Marcelo Rebelo de Sousa, logo secundada pela diretora das Comédias do Minho, Magda Henriques, para quem “o papel do VentoMinho não só é importante para nós, como um raro exemplo para o país”, concluiu.

 

logo branco

Quinzenário do concelho de Vila Nova de Cerveira. Medalha de mérito concelhio.

Estatuto Editorial do Cerveira Nova

geral@cerveiranova.pt
Telefone: +351 251 794 762

cerveirafm

Subscreva a nossa newsletter e receba as nossas novidades em primeira mão.