quinta, 09 abril 2020
Imagem topo

Frente dupla de apoio confeciona refeições, faz compras em supermercados e farmácias e leva ao domicílio

Publicado sábado, 28 março 2020 08:00

No espaço de uma semana, o Município de Caminha já entregou mais de 600 refeições em casa de crianças e jovens pertencentes a agregados carenciados e assegurou diversos bens e serviços de primeira necessidade a mais de quatro dezenas de pessoas, levando as encomendas ao seu domicílio (...)


No espaço de uma semana, o Município de Caminha já entregou mais de 600 refeições em casa de crianças e jovens pertencentes a agregados carenciados e assegurou diversos bens e serviços de primeira necessidade a mais de quatro dezenas de pessoas, levando as encomendas ao seu domicílio. A rede logística montada no quadro da Covid 19 tem por objetivo, sobretudo, ajudar os idosos em situação de isolamento, mas há também casos de emigrantes vindos de França que se encontram em quarentena, e que solicitam o serviço.

São duas as vertentes essenciais desta frente de apoio. Por um lado, e no caso das refeições, confecionadas nas instalações da Escola Sidónio Pais, por funcionários da Câmara, este é um apoio habitual. Mantêm-se as refeições para os alunos que já dispunham deste benefício e confecionam-se também as refeições para os bombeiros.

Já a Rede Complementar de Apoio foi criada para minimizar os efeitos da Covid 19. À Rede, coordenada pelo Município de Caminha, associam-se as juntas de freguesia, que canalizam para esta “rede logística” os pedidos. As compras relacionadas com bens alimentares e de medicação são as solicitações mais frequentes, mais há outras situações que têm sido resolvidas, como foi o caso de um pedido para carregar o telemóvel, por parte de um emigrante em quarentena, ou para conseguir uma receita médica, no caso de um munícipe da Serra d’Arga.

Os pedidos partem sobretudo de idosos isolados, mas também há a registar três casos de emigrantes oriundos de França que se encontram a cumprir quarentena, e o de um cidadão sem abrigo a quem teve de ser disponibilizado um apoio mais alargado, que incluiu alojamento na Paróquia de Caminha, e fornecimento de alimentação, roupas e produtos de higiene.

Os pedidos partem de homens e de mulheres, de forma relativamente equilibrada, e de munícipes residentes em praticamente todas as freguesias do concelho, com destaque para Vila Praia de Âncora e para as freguesias da Serra d’Arga.

Os munícipes que necessitam deste apoio contactam o presidente da Junta de Freguesia da sua área de residência, ou os responsáveis da equipa técnica municipal e a Câmara operacionaliza a seguir a entrega dos bens, através de funcionários municipais.

Recorde-se que existem no concelho apoios especiais, também no domínio da saúde, destinados aos utentes maiores de 65 anos e/ou com critérios de risco para a Covid 19 (patologia cardíaca, pulmonar, diabéticos, doentes oncológicos e imunodeprimidos).

Esta é uma iniciativa da UCSP Caminha, que aconselha todas as pessoas a não sair de casa, não receber visitas e a respeitar o necessário isolamento social. A sua equipa de enfermagem desloca-se ao domicílio, podendo as receitas médicas e o aconselhamento ser realizado também por telefone ou email.

Caminha, 27 de março de 2020
Gabinete de Informação ao Munícipe

 

logo branco

Quinzenário do concelho de Vila Nova de Cerveira. Medalha de mérito concelhio.

Estatuto Editorial do Cerveira Nova

geral@cerveiranova.pt
Telefone: +351 251 794 762

radio cultural de cerveira

Subscreva a nossa newsletter e receba as nossas novidades em primeira mão.